fbpx

Engarrafamentos condicionam trabalho flexível

Estudo da Regus revela que 51% dos portugueses apontam os engarrafamentos como o principal inimigo da produtividade, quando se trabalha fora do escritório.

De acordo com 70% dos 22 mil colaboradores de cem países, abordados pela Regus Business Centers, o trabalho flexível cresceu em comparação há cinco cinco anos. Contudo, a produtividade é por vezes afectada pela dificuldade em encontrar um local adequado para trabalhar fora da empresa.
Segundo os portugueses (34% dos colaboradores inquiridos), os principais inimigos da produtividade são os engarrafamentos (51%) no percurso para o trabalho e nas deslocações para reuniões e as chamadas, por exemplo, de telemarketing (45%).
Face a estas condicionantes ao trabalho flexível, 51% dos profissionais lusos acreditam que os business centers são locais seguros e adequados para trabalhar quando se está fora do escritório. Apenas 30% dos inquiridos portugueses consideram que trabalhar a partir de casa é bom para a produtividade.

http://hrportugal.pt/2015/04/01/engarrafamentos-condicionam-trabalho-flexivel/